Templates da Lua

Créditos

Templates da Lua - templates para blogs
Essa página é hospedada no Blogger. A sua não é?

terça-feira, 2 de fevereiro de 2010



Hoje, mais uma vez, eu acordei com o seu cheiro, nada me parecia mais intenso naquele momento do que aquele perfume que planava pelo ar. To sem animo, to perdida, to sem chão.. não sei se pela escuridão la fora ou pela saudade imensa, não sei se pelas lagrimas que caem no meu rosto agora ou pela noite mal dormida.. Deitada na minha cama penso que talvez tudo tenha acontecido porque era o que o destino queria, ou talvez o tempo, que passou rápido demais..Trancada nessa quarto sujo, reparo nas paredes machadas onde um dia poderiam ter abrigado nosso suor, e olhando pela janela percebo que o dia não parou, como achei que pararia, as pessoas continuam la fora vivendo suas vidas sem se preocupar com o porque de eu continuar aqui dentro. Não passam das 6 da manhã, e eu deveria estar dormindo, mas desde o dia em que você se foi, meu sono não é mais tranqüilo nem tão pouco profundo. Sua ausência me corroí, penetra meu peito como que com um punhal onde o único objetivo é acertar meu coração dilacerado, machucado que um dia foi seu..Ontem conversei com alguns amigos seus, fiquei horas conversando e até me divertindo, nos intervalos de cada riso, no espaço de cada palavra, nas pausas do meu coração, eu imaginava você ali, na conversa, fazendo suas brincadeiras, xingando alguém ou simplesmente me dizendo coisas que animavam meu mundo, mas você não estava ali, e de repente voltava para a realidade.. Muitas vezes tentei perguntar sobre você, como você estava, se ja havia seguido em frente e encontrado outra pessoa.. Todas as perguntas possíveis, mas parava no meio da palavra e toda a frase ficava ali entalada na garganta, não sei se por medo das respostas ou por não querer saber mesmo. E voltava ao assunto anterior, rindo de tudo, naquele momento era só o que eu podia fazer. Mas em meu pensamento continuava a esperança de que a qualquer momento você fosse me chamar e falar que sente muito, e tudo voltaria ao normal, tudo se resolveria e eu não mais perderia o sono. 
Quem sabe um dia nos encontremos de novo em uma ruela qualquer ou em algum bate papo do msn, mas não sei se aquele momento será bom pra mim, nem muito menos bom para você..olhando sua foto no porta retrato eu comecei a entender que por mais que o tempo passe, e por mais que as coisas mudem nós nunca pertenceremos um ao outro de novo como há algum tempo atrás.. Mas isso não quer dizer que parei de te amar, muito menos que não está sempre em meus pensamentos dia após dia, semana após semana, pelo contrário quanto mais penso que não poderei mais te ter, mais quero te amar, mais quero você!

11 comentários:

Lucas (Retarda) disse...

gostei da reflexão, belo texto!

http://bitstart.blogspot.com/

Vinicius Oliveira disse...

muito boa mesmo sua reflexao, também to toda hora no teu blog ne? ahhuahauhauahuahuah

http://viniciusoliveiraa.blogspot.com/ nao deixe de comentar, a noite terá mais um post hahahaha

Anônimo disse...

Two is better than one. Já que você sabe quem eu sou, vou te dizer que não importa o que aconteça daqui pra frente, eu sempre vou amar você e nenhuma pessoa vai te substituir. Você é a mulher que eu amo e vai ser assim sempre!
Minha vida ;**:

Phellipe disse...

Ótima reflexão .
Blog mt mt bom *-*

N. disse...

adorei *-*
e o começo me fez lembrar partes de uma história que escrevi =]

Pedregulho'S disse...

É o amor filha, nem tente disfarçar é o amor :D

Aeverton Dantas disse...

que lindo isso velho...
tô crying aqui ;I
Tô lendo os outros textos...

Medeiros Alencar disse...

A idéia do texto tá legal, dentro da tua realidade. Sem querer ser chato, antes de postar presta um pouco de atenção à gramática e a sintaxe no teu texto. Isso vai ajudar a fidelizar teus leitores. Texto bem escritos se tornam mais interessantes.
Desculpe pela crítica, não a tome como chateação.
Fora isso, teu blog tá bom demais.

Vinicius Oliveira disse...

voltando aqui, parabens pelo blog de novo, nao pode dar calote ne?
gostei mesmo

http://viniciusoliveiraa.blogspot.com/

Luana Eckert disse...

kkkkkkkkkkkkkk era só comentar em ouro post *-*

Roqueira! (: disse...

é, me identifiquei de novo com teu texto, acho que todos tem aquela história de um amor que não nos fez tão bem assim. virando fã do teu blog, kkkkk!
beijos!